Menu CICS.NOVA

Destaques

jPList Actions
  • 4 per page
  • 8 per page
  • 12 per page
  • View All
 
A investigadora do CICS.NOVA Iva Pires falou à Visão sobre o desperdício alimentar em Portugal: “Se cada uma das 4 milhões de famílias existentes em Portugal deitar para o lixo uma laranja por semana, isso significa 16 800 toneladas de desperdício anuais e 25 mil euros que vão fora”.
 
Francesca Poggi, investigadora integrada do CICS.NOVA, foi premiada pela Associação Portuguesa de Energias Renováveis (APREN) pelo trabalho desenvolvido no âmbito da sua tese de doutoramento, SMART RURAL: Eficiência energética e energias renováveis no espaço rural,  com o segundo lugar no Prémio  APREN 2018.
 
O CICS.NOVA realizou nos últimos dias 19 e 20 de outubro na NOVA FCSH o seu 1º Colóquio circunscrito ao tema Para um desenvolvimento humano, inovador e sustentável. O evento contou com a participação de vários investigadores e pretendeu promover a coesão e a colaboração entre os diversos Polos e grupos de investigação (RGs) que constituem o Centro, criar condições para a promoção de projectos conjuntos e articular conceptualmente o trabalho dos vários investigadores com as duas linhas estratégicas do Centro: Human Development and Sustainability e Innovations and Territorial Competitiveness.
 
O encontro decorreu na NOVA FCSH entre 24 e 26 de Setembro e envolveu reuniões de trabalho, no âmbito de uma parceria entre a entidade brasileira e o ONVG, com o objectivo de desenvolver um formulário de avaliação de risco para vítimas de violência doméstica no Brasil, beneficiando da larga experiência do Observatório nestas temáticas.
 
Os projectos dos investigadores Jordi Nofre (na categoria 'investigador principal'), Frederico Ágoas e Catarina Delaunay (na categoria 'investigador auxiliar') e Ana Cristina Carvalho (na categoria 'investigador júnior') obtiveram pontuação elevada e foram recomendados para financiamento no CEEC - Individual, da FCT. Neste concurso serão atribuídos 500 contratos de trabalho de investigador doutorado em todas as áreas científicas e nas quatro categorias contratuais.
 
A formação, a decorrer no primeiro semestre do ano lectivo 2018/2019, inicia-se no dia 27 de Setembro com uma palestra proferida pelo Professor Guilherme de Oliveira Martins, antigo Presidente do Tribunal de Contas e atual membro executivo do Conselho de Administração da Fundação Gulbenkian. No dia 19 de Outubro, o Professor Kevin Fewster, Director do Royal Marítime Museum of Greenwich, falará sobre "The role of maritime museums in ocean literacy". O programa explora a omnipresença das realidades marítima e fluvial na vida económica e cultural da história europeia, o conhecimento geográfico e o comércio, os novos desafios para os oceanos que cercam o continente, bem como as relações internacionais e os desafios marítimos geoestratégicos para a UE.
 
Entre 2 e 16 de Outubro, o CICS.NOVA recebe candidaturas no âmbito do concurso para atribuição de uma BGCT enquadrada no seu Projecto Estratégico (UID/SOC/04647/2013).
 
A obra é editada pela Fundação Francisco Manuel dos Santos. O lançamento aconteceu no Mercado de Campo de Ourique no dia 27 de Setembro.
 
O Centro Luis Krus – Formação ao Longo da Vida vem convidá-la(o) a apresentar propostas para a realização de Cursos Livres presenciais (Cursos de ANO NOVO (CAN)), que de acordo com o Despacho nº 30/2018 irão funcionar no período de pausa letiva do 1º semestre (7 de janeiro a 8 de fevereiro).  Envio de propostas: até 30 de setembro de 2018.
 
Já se encontra disponível o livro «Ética aplicada: Educação». Esta obra é coordenada por de Maria do Céu Patrão Neves e David Justino (CICS.NOVA), e publicada pela Edições 70.
 
Já se encontra disponível o livro Challenges of communication in a context of crisis: Troubles, misunderstandings and discords. Esta obra é da autoria de José Manuel Resende, Alexandre Cotovio Martins, Marc Breviglieri, Catarina Delaunay, e publicada pela editora Cambridge Scholars Publishing.
 
No âmbito do processo de avaliação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., das propostas submetidas para atribuição do título e designação de Laboratório Colaborativo (CoLAB), apresentadas a concurso em Março de 2018, foram aprovadas duas candidaturas que integram o CICS.NOVA, assegurando a representação da Universidade NOVA de Lisboa nestes dois novos projetos.
 
O CICS.NOVA anuncia que no âmbito das candidaturas a projetos de IC&DT financiados pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., foram aprovadas 4 candidaturas enquanto entidade proponente e 2 enquanto entidade parceira.
 
Maria José Roxo, investigadora integrada do CICS.NOVA, irá coordenar equipa da NOVA FCSH em um centro de competências a ser criado pelo Governo que visa pesquisar e procurar soluções para o fenómeno de dessertificação no país. Trata-se do Centro de Competências na Luta contra a Desertificação (CCDesert), a ser sediado em Alcotim, distrito de Faro, e que conta com a colaboração de mais de 30 instituições a nível nacional.
 
Enrico Borghetto, investigador integrado do CICS.NOVA, tem estudo sobre os efeitos do crescimento das desigualdades económicas nas agendas legislativas europeias, a ser desenvolvido em conjunto com Derek Epp (University of Texas at Austin), mencionado no artigo As inequality grows, so does the political influence of the rich, publicado pelo jornal The Economist.
 
A Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., informou no último dia 30 de julho de 2018 que os resultados do CEEC Individual 2017 serão divulgados na semana de 17 de setembro de 2018. 
 
Já se encontra aberta a segunda fase de candidaturas ao programa doutoral em Desenvolvimento, Sociedades e Territórios, oferecido pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) e acolhido no CETRAD, em associação com uma rede Ibérica de unidades de I&D: o CEFAGE, o CICS.NOVA, o ICAAM, o IDEGA e o NECE. Candidaturas: até 24 de agosto de 2018.
 
Já se encontra disponível o livro Cadastro e gestão territorial: Uma visão luso-brasileira para a implantação de sistemas de informação cadastral nos municípios. Esta obra é da autoria de Amilton Amorim, Unesp, Marcos Aurélio Pelegrina, Universidade Estaudal do Centro-Oeste, e Rui Pedro Julião, NOVA FCSH e CICS.NOVA, e publicada pela editora Unesp, Brasil.  
 
O programa de doutoramento em Sociologia OpenSoc resulta de uma colaboração interinstitucional e científica entre instituições académicas, centros de investigação e investigadores ligados à Universidade Nova de Lisboa (NOVA), à Universidade de Lisboa (ULisboa), à Universidade de Évora e à Universidade do Algarve (UAlg).  Candidaturas (3ª Fase): até 7 de setembro de 2018.
 
À semelhança dos anos anteriores, de 01 a 31 de agosto, os acessos à NOVA FCSH serão regidos pelos seguintes horários:
 
The NOVA Research Office organizes the first NOVA Science Day on September 10th at the Rectorate of Universidade NOVA de Lisboa. The event is mainly targeted at Professors, Researchers and Doctoral students of NOVA, so they can know all the scientific areas of Research existing in this University and the work that has been carried out by other colleagues and PhD students. Rectorate of Universidade NOVA de Lisboa | September 10th | 10h00 am - 05h30 pm
 
O atual número da Revista Forum Sociológico surge na sequência da II Conferência Ibérica de Sociologia da Educação, organizada pela Federación Española de Sociología (FES) e pela Seção de Sociologia da Educação da Associação Portuguesa de Sociologia (APS), e reúne seis artigos que compõe o dossiê Fraturas sociais e educativas: Desafios para a sociologia da educação, coordenado por Bruno Dionísio, Leonor Lima Torres e Mariana Gaio Alves.
 
O presente número da Revista Configurações corresponde à segunda parte de um volume dedicado ao tema Justiça, Direito(s) e Instituições. Tal como o número que o precedeu, esta publicação resulta de encontro científico duplo: o Segundo Encontro da Secção Temática “Sociologia do Direito e da Justiça” da Associação Portuguesa de Sociologia (STSDJ) e as V Jornadas do Mestrado em Crime, Diferença e Desigualdades da Universidade do Minho. 
 
No último dia 07 de junho foi lançado o novo Programa-Quadro de I&I HORIZONTE EUROPA (2021-2027) pela Comissão Europeia com um orçamento global de 97 mil milhões de euros. 
 
O CICS.NOVA estará representado por vários dos seus investigadores no X Congresso Português de Sociologia «Na era da 'pós-verdade'? Esfera pública, cidadania e qualidade da democracia no Portugal contemporâneo», organizado pela Associação Portuguesa de Sociologia (APS) e pela Universidade da Beira Interior, na Covilhã, entre 10 e 12 de Julho de 2018. Na mostra organizada pelo Congresso, haverá também um stand dedicado ao CICS.NOVA, em que serão expostas várias das nossas publicações.
 
O CICS.NOVA - Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais estará presente no Encontro Ciência 2018 com 3 comunicações a serem apresentadas pelos professores Helena Serra, Rui Pedro Julião e Ana Lúcia Teixeira, investigadores do CICS.NOVA, e com 3 posters assinados pelos doutorandos Patrícia Leonor Gramaxo, Catarina Isabel Pimpão Lucas e Hu Jing. Este evento ocorrerá entre os dias 2 a 4 de julho no Centro de Congressos de Lisboa e contará com a presença de diversos investigadores portugueses. Centro de Congressos de Lisboa | 03 a 04 de julho de 2018 | 09h30 às 19h00
 
Paula Reis, investigadora do CICS.NOVA.UÉvora, é entrevistada pela Lusa e Antena 1 no âmbito do seu trabalho de doutoramento Turismo, Planeamento e Desenvolvimento Regional: Estratégias de Intervenção para a Rede das Aldeias Históricas de Portugal.
 
Nos dias 7 e 8 de junho, na Universidade de Évora, o CICS.NOVA.UÉvora e o Departamento de Sociologia voltaram a reunir  especialistas, investigadores e trabalhadores sociais que desenvolvem a sua atividade na área das redes sociais. A segunda edição, sob o tema Redes Sociais: Perspetivas e desafios emergentes nas sociedades contemporâneas proporcionou um espaço de partilha formal e informal de trabalhos, metodologias e estratégias de ação.
 
Já se encontra disponível o livro «Robótica e trabalho: O futuro hoje» da autoria de António Brandão Moniz, investigador do CICS.NOVA e diretor do Observatório de Avaliação de Tecnologia, e publicado pela Glaciar com o apoio da Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento.
 
O World Congress Justice for Children «Strengthening Justice Systems for Children: Challenges, including disengagement from violent extremism», realizado entre 28 e 30 de maio de 2018 sob o alto patrocínio da UNESCO, na sua sede, em Paris, teve como foco as diferentes tendências globais no campo da justiça juvenil e do Direito das Crianças e dos Jovens, incluindo o envolvimento das crianças em fenómenos de violento extremismo e terrorismo. O CICS.NOVA associou-se à sua organização na qualidade de parceiro e a investigadora Maria João Leote de Carvalho, investigadora integrada do CICS.NOVA, no âmbito do Pós-Doutoramento que realiza com apoio da Fundação para a Ciência e Tecnologia (SFRH/BDP/116119/2016), foi uma das 100 conferencistas selecionadas, entre as cerca de 400 propostas apresentadas, tendo participado com uma comunicação no workshop «Neuroscience and child justice».
 
Já se encontra disponível o livro Female Crime and Delinquency in Portugal: In and Out of the Criminal Justice System da autoria de Sílvia Gomes e Vera Duarte, investigadoras do CICS.NOVA, e publicado pela Palgrave Macmillan.
 
O CICS.NOVA.UÉvora realizou nos últimos dias 26 e 27 de Maio de 2018 o 5º Encontro de Investigadores, na aldeia de Alqueva, cujo tema fora os Desafios da investigação e intervenção.
 
Com o Alto Patrocínio de Sua Excelência o Presidente da República, realizou-se a 24 e 25 de maio, na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, o «II Congresso Europeu sobre uma Justiça Amiga das Crianças», promovido pela ComDignitatis e organizado por um conjunto de entidades representativas de vários sectores da sociedade portuguesa entre os quais se incluiu o CICS.NOVA. O congresso também contou com a presença da investigadora Maria João Leote de Carvalho, investigadora integrada do CICS.NOVA, que para além de fazer parte da Comissão Científica do Congresso, no âmbito do Pós-Doutoramento que realiza com o apoio da Fundação para a Ciência e Tecnologia (SFRH/BDP/116119/2016), foi uma das principais oradoras do evento.
 
Já se encontra disponível o livro «Exploring Nightlife: Space, Society & Governance». Esta obra é editada por Jordi Nofre i Mateo (CICS.NOVA) e Adam Eldridge (University of Westminster) e publicada pela Rowman & Littlefield.
 
Já se encontram abertas as inscrições para o II Curso de Formação Avançada promovido pelo Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais – CICS.NOVA.UMinho que tem como tema Género, Orientação Sexual e Desigualdades. Esta formação avançada pretende ser uma proposta formativa suplementar para estudantes de pós-graduação, investigadores e profissionais das ciências sociais e proporcionar um conjunto de conhecimentos que permita identificar e diagnosticar situações de desigualdade e/ou discriminação em função do género e da orientação sexual e elaborar estratégias de intervenção destinadas à sua redução ou eliminação. Inscrições: até 14 de Maio de 2018.
 
Realizou-se no dia 4 de maio de 2018, na Nova School of Business and Economics (NOVA SBE), a conferência de apresentação dos artigos vencedores do Prémio Concorrência nos Mercados, uma iniciativa conjunta do Gabinete de Estratégia e Estudos (GEE) do Ministério da Economia e da Associação Mutualista Montepio.
 
Já se encontra disponível o livro «Democracia, promessas, utopias e (des)ilusões: dilemas e disputas nas arenas públicas». Esta obra é coordenada por José Manuel Resende e Catarina Delaunay, investigadores do CICS.NOVA, e publicado pela editora Lema d'Origem. Além disso, a conta com o Posfácio do Dr. Mário Soares.
 
Foi publicado em Diário da República no último dia 11 de abril o edital do concurso para as 92 posições de investigador doutorado ao abrigo da DL 57/2016 alterado pela Lei 57/2017. O concurso estará aberto até ao próximo dia 25 de maio.
 
A Revista D&S convida os autores interessados a submeterem artigos para publicação na edição de 2018, subordinados aos seguintes temas: Cidadania, trabalho e tecnologia; Cidades, ambiente e desenvolvimento; Desigualdades sociais e ação pública; Educação, conhecimento e cultura; Saúde, população e bem-estar; Sistemas de modelação e planeamento.
 
Relações de Género, Igualdade de Género, Identidade de Género… A Sociologia, a Psicologia, a Antropologia e o Direito, a História, os Estudos Literários e Artísticos têm explorado os mistérios e o fascínio destes conceitos, das suas normas e das suas práticas, hoje na ordem do dia nas políticas nacionais, europeias e internacionais. Duas grandes Universidades portuguesas uniram-se para oferecer o primeiro Curso de Doutoramento em Estudos de Género. As perspetivas críticas e interdisciplinares serão centrais nesta consagração académica de um dos mais interessantes campos científicos das Ciências Sociais contemporâneas. 
 
Encontra-se aberto o período de candidaturas ao Financiamento Exploratório da NOVA FCSH, com os objetivos de promover a internacionalização da investigação realizada na faculdade. As candidaturas têm de ser enviadas até ao dia 11 de maio de 2018 para o email research@fcsh.unl.pt.
 
Estão abertas as candidaturas ao Mestrado em Estudos Sobre as Mulheres. As Mulheres na Sociedade e na Cultura, ano lectivo 2018/19. Candidaturas até 24 de Junho.
 
The Master and Doctoral Consortium for Research on Public Policy is promoted by UMPP - Public Policy Monitoring Unit of the University of Évora (http://www.umpp.uevora.pt/), its aim being to promote opportunities for reflection and collaboration between master and Ph.D. students at the University of Évora, and other Portuguese and foreign universities, in the field of scientific research on public policies, from a multi-disciplinary perspective. The deadline to submit a paper is 29 april 2018.  
 
Estão abertas as inscrições para o novo curso que integra as iniciativas no âmbito da OCEANID, a Cátedra Jean Monnet atribuída à NOVA coordenada pela investigadora Regina Salvador. Economia Marítima Europeia e Crescimento Azul é o novo curso da Universidade NOVA de Lisboa para estudantes de mestrado e doutoramento interessados numa perspetiva multidisciplinar sobre assuntos marítimos. A formação, a iniciar a 15 de fevereiro, é gratuita para os alunos da NOVA, e tem um custo de 250 euros para alunos externos. Com este curso tem lugar uma das ações propostas no âmbito da Cátedra Jean Monnet OCEANID, cujo objetivo é o de contribuir para aumentar o conhecimento marítimo e marinho em linha com a perspetiva de Crescimento Azul Sustentável da União Europeia.
 
Encontra-se disponível o envio de propostas de comunicação e/ou poster para o X Congresso Português de Sociologia, a realizar-se nos dia 10, 11 e 12 de julho na Universidade da Beira Interior. Mais informações na página oficial do Congresso: https://xcongresso-aps.eventqualia.net/pt/pt/
 
No âmbito de uma candidatura apresentada à categoria “Estudos e Investigação” ao prémio Cooperação e Solidariedade António Sérgio 2017, atribuído pela Cooperativa António Sérgio para a Economia Social pelos investigadores Joaquim Fialho, Carlos da Silva e José Saragoça, o trabalho foi distinguido com uma Menção Honrosa. Tendo por base o estudo  "Diagnóstico das Misericórdias do Distrito de Évora – Tendências e Perspetivas Estratégicas", realizado no quadro de um protocolo firmado em 2015 entre a Universidade de Évora e a Santa Casa da Misericórdia de Évora. A investigação teve como finalidade elaborar a caracterização institucional a nível dos recursos humanos, das respostas sociais existentes, dos problemas sociais a que respondem, dos constrangimentos, limitações e potencialidades, e do quadro de interações existentes entre as Misericórdias do Distrito de Évora.
 
No passado dia 12 de janeiro de 2018, realizaram-se as eleições para os Órgãos Diretivos do CICS.NOVA para o mandato 2018-2020. De seguida, apresentam-se os resultados:
 
Foi publicado o novo número temático  da Revista Configurações (n.º 20) - Justiça, Direito(s) e Instituições, com edição temática de Manuela Ivone Cunha, Sílvia Gomes, Vera Duarte e Pierre Guibentif e direção editorial do CICS.NOVA.UMinho.
 
De 19 de janeiro a 12 de fevereiro de 2018, encontra-se aberto o período de candidaturas ao concurso individual da Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) para a contratação de doutorados no âmbito do Programa Estímulo ao Emprego Científico. O concurso está aberto a todas as áreas científicas para o desenvolvimento de atividades de investigação em unidades de investigação, financiadas pela FCT, e respetivas instituições de acolhimento.do Ministério da justiça da Turquia a Portugal
 
O Ministério da Justiça da Turquia tem vindo a desenvolver novas estratégias com o objetivo melhorar a implementação das normas internacionais no campo da justiça juvenil. Neste âmbito, o projeto “Development of an Effective Risk Evaluation System for Children in Turkish Probation services” (DENGE Juvenile Probation Programme) está em curso com base numa parceria estabelecida entre o Governo turco, a União Europeia (UE) e a UNICEF. O objetivo geral é aumentar a eficiência e a eficácia do sistema de justiça juvenil na Turquia no respeito pelos direitos e necessidades das crianças em conflito com a lei, procedendo-se à sua reorganização de forma a que a execução de medidas na comunidade seja mais eficaz em termos de prevenção e reabilitação. Esta iniciativa procura assegurar uma melhor intervenção dos serviços especializados de reinserção através da adopção de mecanismos de avaliação de riscos e necessidades individuais das crianças, com recurso a instrumentos mensuráveis ​​e compatíveis com os padrões da UE.
 
Estão abertas até 22 de janeiro de 2018 as candidaturas para o Prémio de Investigação Colaborativa Santander Totta/ Universidade NOVA de Lisboa 2017/2018, na área das Ciências da Vida. O regulamento e formulário de candidatura estão disponíveis no site da NOVA: http://www.unl.pt/investigacao/premio-santandernova  
 
No âmbito da participação do investigador Nuno Boavida no FNAC Shaper Talks sobre “O Futuro do trabalho em Portugal", organizado pelo Global Shapers Lisbon Hub com o patrocínio do Jornal Económico, o investigador foi entrevistado pelo Jornal sobre os desafios do futuro do trabalho. Aceda à entrevista e também pode assitir ao vídeo do evento.
 
O Observatório de Avaliação de Tecnologia do CICS.NOVA viua sua candidatura aprovada como membro associado do European Parliamentary Technology Assessment (EPTA). Quer isto dizer, que o CICS.NOVA e o seu OAT fazem parte da rede de institutos e centros que têm uma relação muito próxima aos seus parlamentos nacionais e regionais para os apoiar na avaliação de opções e tomadas de decisão relacionadas com a C&T. Nesta nova condição, o CICS.NOVA poderá ser uma parceria importante da Assembleia da República para esta área.
 
As duas bases de dados, da área das Humanidades, estarão acessíveis de forma integral para a comunidade FCSH até ao fim do mês, mediante acesso por credencial.
 
Jordi Nofre, Pós-doc do CICS.NOVA a desenvolver o projeto Exploring nightlife and urban transformations in contemporary Lisbon. A transdisciplinary perspective foi entrevistado pelo jornal Público no âmbito do trabalho que desenvolve no LxNights sobre a vida noturna em Lisboa. Veja aqui a entrevista completa: https://www.publico.pt/2017/11/11/local/entrevista/a-noite-de-lisboa-e-de-exclusao-social-1792073
 
A equipa do projeto ESCXEL, Rede de escolas de excelência foi convidada a integrar num estudo que está a ser desenvolvido pela OCDE sobre inovação pedagógica. Os investigadores do ESCXEL foram convidados, no âmbito do projeto de investigação Innovative Pedagogies for Powerful Learning – Networks pelo Centre for Educational Research and Innovation da OCDE, a responder a um questionário sobre diversas questões trabalhadas pela rede ESCXEL, envolvendo também os professores das escolas parceiras. Através deste inquérito, a OCDE reconheceu o importante trabalho desenvolvido pelo projeto ESCXEL e as suas abordagens inovadoras para o ensino e aprendizagem em Portugal e convidou-os a representar o nosso país neste projeto. Saiba mais sobre o projeto: http://www.oecd.org/edu/ceri/innovative-pedagogies-for-powerful-learning-networks.htm
 
A investigadora Regina Salvador será a responsável pela cátedra Jean Monnet, recentemente atribuída pela União Europeia à Universidade NOVA. Trata-se de um posto, com a duração de três anos, para docentes do Ensino Superior especializados em estudos sobre a Europa, neste caso em particular sobre o conhecimento marinho e marítimo. Denominada de OCEANID, o seu objetivo é o de contribuir para aumentar o conhecimento alinhado com a perspetiva de Crescimento Azul Sustentável da União Europeia.
 
Enquadrado no I Plano Municipal de Prevenção e Combate à Violência Doméstica e de Género do Município de Lisboa 2014-2017, da Câmara Municipal de Lisboa,  o Observatório Nacional de Violência e Género do CICS.NOVA apresentou, no dia 25 de julho na NOVA FCSH, o Primeiro Inquérito Municipal à Violência Doméstica e de Género no município de Lisboa, coordenado pelo Prof. Doutor Manuel Lisboa.Trata-se do primeiro estudo estatisticamente representativo das mulheres e homens com 18 ou mais anos residentes no município de Lisboa, com desagregação ao nível da freguesia.
 
O Jornal de Sociologia da Educação é uma edição semestral da Secção Temática de Sociologia da Educação da Associação Portuguesa de Sociologia. Tem como foco o trabalho na área dos fenómenos socioeducativos.
 
O Loures INOVA deriva de um projeto financiado pelo POR Lisboa, a partir do qual se instituiu uma parceria entra a Câmara Municipal de Loures, o Mercado Abastecedor de Lisboa e a Universidade Nova/Faculdade de Ciência e Tecnologia - Madan Parque de Ciência. Tornando-se necessário materializar, a curto prazo, um novo paradigma de atuação suportado pela criação de infraestruturas de acolhimento e aceleração de projetos, as três entidades acordaram quanto à necessidade de dar corpo jurídico à estrutura Loures INOVA, através da constituição de uma associação privada, sem fins lucrativos.
 
Teresa Santos e José António Tenedório, investigadores do CICS.NOVA, e Caio Frederico e Silva, da Universidade de Brasília, venceram o Best Paper Award no GISTAM 2017 (International Conference on Geographical Information Systems Theory, Applications and Management) com um trabalho que concluiu ter havido uma potencial melhoria no conforto térmico da área compreendida entre a Praça Duque de Saldanha e os dois primeiros quarteirões da Av! enida da República. O estudo, que compara a situação antes e depois da recente requalificação realizada pela Câmara Municipal de Lisboa, tem como objetivo quantificar os efeitos do aumento da área verde urbana.
 
O programa, dedicado ao tema "Sozinhos na Net", foi emitido no Jornal da Noite de dia 15 de Junho e contou com os pareceres das duas investigadoras do CICS.NOVA, que trabalham no projecto EU Kids Online Portugal: Sustaining the European research network on children and young people and their online experiences.
 
Encontra-se aberta a 3.ª Call do programa de mobilidade International Credit Mobility 2016-2018. As candidaturas irão decorrer até dia 30 de Junho 2017.  Alunos: período para realização da mobilidade - 2º semestre do próximo ano lectivo, para um período de mobilidade de 3 a 5 meses.
 
Até ao próximo dia 30 de Junho a equipa da b-on – Biblioteca do Conhecimento Online disponibiliza versões experimentais a várias bases de dados em diversas áreas do conhecimento. Uma dessas bases de dados integra as publicações periódicas da University of Chicago Press e pode ser acedida através de: http://www.journals.uchicago.edu.
 
O Professor Associado com agregação do Departamento de Sociologia da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas e investigador do CICS.NOVA irá receber, em cerimónia a anunciar, uma escultura em bronze da autoria de José Guimarães. O ensaio Fontismo, Liberalismo Numa Sociedade Iliberal foi editado pelas Publicações Dom Quixote em fevereiro do ano passado.  
 
A obra foi editada pelo CICS.NOVA.UMinho, em parceria com o Centro de Investigação sobre Espaço e Organizações, e tem como organizadores Maria Cristina Moreira, investigadora do CICS.NOVA.UMinho, Cláudia Henriques e Pedro Bittencourt César. Conta ainda com um prefácio da embaixadora da Comissão Nacional da UNESCO.
 
Afonso Pinto venceu o programa pelos seus conhecimentos em Geografia e teve a oportunidade de conversar com alguns investigadores do CICS.NOVA sobre o trabalho que levam a cabo. Visitou ainda a Mapoteca e a Biblioteca da FCSH.  
 
Acontece em Córdoba, entre 19 e 21 de Abril, a  ESA/RN27 (European Sociological Association/Regional Research Network on Southern European Societies) Mid-Term Conference 2017: "The Uses of Sociological Knowledge: Challenges and Dilemmas for Southern European Sociology". Integram a Comissão Científica os investigadores do CICS.NOVA Luís Baptista, Ana Romão e Manuel Carlos Silva, que também apresentarão comunicação. O evento conta igualmente com a participação da investigadora visitante Eva Parga-Dans e de José Carlos Marques, investigador do CICS.NOVA.IPLeiria. Programa
 
Estará aberto até 3 de maio de 2017 o período de submissão de candidaturas ao Financiamento exploratório para projetos internacionais, financiado pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (FCSH/NOVA).
 
A proposta deste número temático consiste em abordar, na contemporaneidade prácticas de ciberativismo no campo da saúde e os seus objectos de expressões, a partir da dimensão cultural, da produção social de reivindicações, da percepção e da comunicação aos níveis local, nacional e global. Com o objectivo de apreender a realidade dos grupos com os quais e para os quais as acções de promoção da saúde e da cidadania são desenvolvidas, pretende-se que os artigos abordem a compreensão dos processos sociais que integram a complexidade das relações activismos/internet/saúde em contextos heterogéneos.
 
Já se encontra on-line um novo número da Revista Configurações (nº 18) do Centro de Investigação de Ciências Sociais da Universidade do Minho (CICS.NOVA.UMinho) dedicado ao tema “Ciganos e Educação”, coordenado por Olga Magano, Maria Manuela Mendes e Sílvia Gomes.  
 
Na segunda-feira, dia 28 de novembro teve lugar o lançamento da plataforma FCSH +Lisboa - Conhecer e Contar a Cidade, projeto coordenado pela investigadora Cristina Ponte, disponibilizando no website do projeto mais de 150 ‘entradas’ sobre a cidade, três roteiros e cerca de 120 locais/pontos de interesse referenciados no mapa do site. Contará ainda com perto de 50 entradas na aplicação Foursquare.
 
O Instituto de Tecnologia Química e Biológica António Xavier (ITQB/NOVA), a Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (FCSH/NOVA) e a Antena 1, com o apoio da Novartis, criaram o programa nacional “90 segundos de ciência” que será transmitido todos os dias, às 18h58 e 10h58, na Antena 1.

No results found