Destaques


CICS.NOVA apoia a realização do «World Congress Justice for Children», UNESCO House, Paris

 

O World Congress Justice for Children «Strengthening Justice Systems for Children: Challenges, including disengagement from violent extremism», realizado entre 28 e 30 de maio de 2018 sob o alto patrocínio da UNESCO, na sua sede, em Paris, teve como foco as diferentes tendências globais no campo da justiça juvenil e do Direito das Crianças e dos Jovens, incluindo o envolvimento das crianças em fenómenos de violento extremismo e terrorismo. O CICS.NOVA associou-se à sua organização na qualidade de parceiro e a investigadora Maria João Leote de Carvalho, investigadora integrada do CICS.NOVA, no âmbito do Pós-Doutoramento que realiza com apoio da Fundação para a Ciência e Tecnologia (SFRH/BDP/116119/2016), foi uma das 100 conferencistas selecionadas, entre as cerca de 400 propostas apresentadas, tendo participado com uma comunicação no workshop «Neuroscience and child justice».

Mais de 1120 participantes oriundos de 98 países, com forte presença de delegações governamentais de todo o mundo, tiveram a oportunidade de debater as respostas mais inovadoras validadas no combate a estes fenómenos abordando temas como prevenção da delinquência juvenil e sua reincidência, mecanismos de proteção e intervenção para crianças e jovens vulneráveis em sessões plenárias e em 28 workshops.

Durante os três dias, nas quatro línguas oficiais do congresso (inglês, francês, árabe e espanhol), os palestrantes apresentaram estratégias e experiências para fortalecer os sistemas de justiça juvenil e familiar nacionais, propondo práticas concretas e promissoras relativas à proteção da infância e juventude, prevenção do crime, programas de diversão, de reinserção e alternativas à privação de liberdade em contexto de contraterrorismo. Jovens com experiência em situação de conflito ou guerra e de intervenção por sistemas de justiça juvenil deram o seu testemunho pessoal e outros acompanharam os trabalhos do congresso apresentando, no final, um conjunto de orientações visando uma maior eficácia na definição de políticas sociais e de justiça nesta área.

Dos trabalhos deste Congresso resultou a elaboração da «Declaração de Paris» que será apresentada publicamente nas próximas semanas contendo recomendações para o fortalecimento e melhoria dos sistemas de justiça juvenil nos próximos anos e será publicado um livro de Atas.

Mais informação disponível em: https://en.unesco.org/world-congress-justice-children.

© Maria João Leote de Carvalho.

© Maria João Leote de Carvalho.