Destaques


Regina Salvador recebe Cátedra Jean Monnet da Comissão Europeia

 

A investigadora Regina Salvador será a responsável pela cátedra Jean Monnet, recentemente atribuída pela União Europeia à Universidade NOVA. Trata-se de um posto, com a duração de três anos, para docentes do Ensino Superior especializados em estudos sobre a Europa, neste caso em particular sobre o conhecimento marinho e marítimo. Denominada de OCEANID, o seu objetivo é o de contribuir para aumentar o conhecimento alinhado com a perspetiva de Crescimento Azul Sustentável da União Europeia.

Para tal serão lecionadas duas disciplinas semestrais/ano, organizadas duas conferências e três workshops internacionais, assim como atividades de investigação (incluindo teses de mestrado e de doutoramento) e cursos de curta duração. OCEANID pretende ainda criar novas linhas de investigação na NOVA e promover plataformas de cooperação que reforcem as mais-valias do Mar para a criação de emprego e o desenvolvimento sustentável em Portugal.

Regina Salvador justifica a relevância da Cátedra com o facto de a Europa ser rodeada por dois oceanos e cinco mares, somando cerca de 70 mil quilómetros de costa, onde se concentra quase metade da população do Continente. A docente integra o Grupo de Peritos da ONU que está a proceder à avaliação do estado do ambiente marinho, incluindo os aspetos socioeconómicos, e que agrega especialistas de todas as regiões do mundo.

Conheça o resumo da candidatura de Regina Salvador à Cátedra Jean Monnet.