Menu CICS.NOVA

Membros Integrados

Maria João Leote de Carvalho

Grupo de Investigação:

2: Cidadania, Trabalho e Tecnologia


Equipa de Investigação:

Direitos, Políticas e Justiça


Perfil Online:


E-mail:

mjleotec@sapo.pt




Maria João Leote de Carvalho é investigadora a realizar pós-doutoramento com apoio da FCT (SFRH/BPD/116119/2016). Completou em 1986 o curso do Magistério Primário, e em 1999 o Curso de Estudos Superiores Especializados em Educação e Grupos em Risco (Escola Superior de Educação de Lisboa. Na NOVA FCSH concluiu o Mestrado em Sociologia (2003), e o Doutoramento em Sociologia (2011). Seu interesse pela investigação em Sociologia começou a ser construído enquanto professora do ensino básico em instituição do sistema de justiça juvenil português (1987-2003). Lecionou em agrupamento de escolas TEIP trabalhando com crianças e jovens em risco residentes em bairros sociais de realojamento (2003-2017). Desde 2014, coordena a equipa “Direitos, Políticas e Justiça” do CICS.NOVA, e foi um dos membros fundadores da seção temática Sociologia do Direito e da Justiça da Associação Portuguesa de Sociologia. Representa Portugal no European Council for Juvenile Justice do International Juvenile Justice Observatory (desde 2009), e é Consultora Científica na Fundação Calouste Gulbenkian (desde 2007) e na Rede Europeia Anti Pobreza – Portugal (desde 2009). Em junho de 2016, foi cooptada para o Conselho Nacional da Comissão Nacional de Promoção dos Direitos e Proteção das Crianças e Jovens (CNPDPCJ), na qualidade de personalidade de reconhecido mérito na área da infância e juventude em risco. Integra a equipa fundadora do Laboratório Colaborativo “ProChild CoLab Contra a Pobreza e a Exclusão Social”, candidatura aprovada pela Fundação para Ciência e Tecnologia em julho de 2018.


Interesses de Investigação:

Delinquência, Violência e Crime. Crianças e Jovens em Risco. Direitos da Criança. Justiça. Políticas Públicas.


Principais Projectos:

  • ProChild CoLab - Against Child Poverty and Social Exclusion aprovado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia-FCT no âmbito do concurso de atribuição do título de Laboratório Colaborativo (CoLAB).
  • (desde 1 de setembro de 2017-…) Investigadora responsável do projeto Youth Offending in Juvenile and Penal Justice in Portugal (YO&JUST) /  Delinquência e Criminalidade Juvenis na Justiça Juvenil e Penal em Portugal (YO&JUST)”,  no âmbito de Bolsa Individual de Pós-Doutoramento da Fundação para a Ciência e Tecnologia-FCT (Refª SFRH/BDP/116119/2016), 
  • (desde maio de 2016-…) Expert at the International Advisory Group (IAG), Project “PROMISE: Promoting Youth Involvement and Social Engagement: Opportunities and challenges for 'conflicted' young people across Europe”(H2020-YOUNG-SOCIETY-2015/693221), EUROPEAN COMMISSION, Horizon 2020 - Research and Innovation Framework Programme, call ‘H2020- YOUNG-2014/15: The Young Generation in an Innovative, Inclusive and Sustainable Europe’. The project is developed by a consortium of 12 partners, from 10 countries, coordinated by the University of Manchester-UK. 36 months: 01 May 2016 – 30 April 2019. http://www.promise.manchester.ac.uk/en/people/international-advisory-group/
  • (2013-2014) Investigadora no projeto "Alternatives to Custody for Young Offenders - Developing Intensive and Remand Fostering Programmes", coordenado pela British Association for Adoption and Fostering (BAAF) como parceira do International Juvenile Justice Observatory, financiado pela European Commission, DG Justice, através do Daphne Programme (Grant Agreement JUST/2011/DAP/AG/3054). http://www.oijj.org/en/alternative-to-custody-results
  • (2006–2011) Investigadora responsável do projeto “Do Outro Lado da Cidade. Crianças, Socialização e Delinquência em Bairros de Realojamento”, com Bolsa Individual de Doutoramento da Fundação para a Ciência e Tecnologia (SFRH/BD/43563/2008), entre 1/Outubro/2008 – 31/ Julho/2011.

Principais Publicações:

  • (2017) Duarte, V. & de Carvalho, M.J.L., 2017, "Female Delinquency in Portugal: What Girls Have to Say About Their Offending Behaviors", Gender Issues, Volume 34, Issue 3,  pp. 258–274, Springer US ISSN: 1098-092X (Print) 1936-4717 (Online), SCOPUS, https://doi.org/10.1007/s12147-017-9187-8;
  • (2013) Carvalho, M.J.L., "Childhood, Urban Violence and Territory: Children’s Perceptions of Place and Violence in Public Housing Neighborhoods in Portugal", Children, Youth and Environments 23(1) University of Colorado, USA, pp. 124-154. Special Issue ‘Children, Violence, Youth and the Physical Environment’, organized by Kevin Lalor, Head of School of Social Sciences and Law, Dublin Institute of Technology. e-ISSN: 1546-2250 On-line version available at:http://www.jstor.org/stable/10.7721/chilyoutenvi.23.1.0124 doi: 10.7721/chilyoutenvi.23.1.0124 (Web of Science, JSTOR);
  • (2013) Carvalho, M.J.L., "Children’s perspectives on disorder and violence in urban neighbourhoods", Childhood – A Global Journal of Child Research, Norwegian Centre for Child Research, Noruega February 2013 vol. 20 nº. 1 98-114. Impact Factor: 1.046 Print ISSN: 0907-5682. Publicado online: eISSN: 1461-7013, first published on June 25, 2012: http://chd.sagepub.com/content/early/2012/06/20/097568212447236 Impact Factor: 1.100. Doi: 10.1177/0907568212447236 (Web of Science; SCOPUS);
  • (2014) Carvalho, M.J.L., "Alternatives to Custody for Young Offenders. National report on Juvenile Justice Trends – Portugal"Research Report Project "Alternatives to Custody for Young Offenders – Developing Intensive and Remand Fostering Programmes", coordinated by the British Association for Adoption and Fostering (BAAF) with the International Juvenile Justice Observatory (IJJO) and financed by the European Commission DG Justice, through its Daphne Programme (Grant Agreement JUST/2011/DAP/AG/3054), 52 pgs, published at: http://www.oijj.org/sites/default/files/baaf_portugal1.pdf
  • (2003) de Carvalho, M.J.L., Entre as Malhas do Desvio. Jovens, Espaços, Trajectórias e DelinquênciasOeiras, Celta Editora, 266 pp., edição patrocinada pelo Instituto de Reinserção Social no âmbito das comemorações dos 20 anos da criação da sua 1ª Lei Orgânica, primeiro volume da colecção Reinserção Social.