Oportunidades de financiamento

Bolsas de Excelência da Confederação Suíça 2018-2019

No âmbito da cooperação da Confederação Suíça com 180 países para a promoção científica, encontra-se aberto o período de candidaturas para as bolsas de Excelência para o período 2018-2019.

Estas bolsas destinam-se a cidadãos portugueses, mesmo que estejam a viver e/ou estudar fora de Portugal.

Estão disponíveis para as seguintes categorias:
- bolsas para estágios de investigação
- bolsas para doutoramento
- bolsas para pós-doutoramento

Os interessados deverão consultar as instituições de acolhimento e a documentação necessária para cada categoria acedendo à informação disponibilizada para Portugal que poderá ser consultada em: https://www.sbfi.admin.ch/sbfi/en/home/bildung/scholarships-and-grants/swiss-government-excellence-scholarships-for-foreign-scholars-an/countrys-m---z.html

As candidaturas devem ser entregues na Embaixada da Suíça até ao dia 04 de novembro de 2017. O ponto de contacto nacional é  Marie Hélène Krafft Ferreira através do email marie-helene.krafft-ferreira@eda.admin.ch


ERC Startings Grants - Candidaturas até 17 de Outubro

Encontra-se aberto até 17 de outubro de 2017 o período de candidaturas às bolsas do European Research Council Starting Grants. As bolsas Starting Grants destinam-se a investigadores principais com um currículo de excelência científica que queiram estabelecer a sua equipa de investigação, em qualquer área científica. 

Perfil do candidato:

- Obtenção do doutoramento dentro de um período de dois a um máximo de sete anos à data de 01 de janeiro de 2018;
- Produção científica independente da supervisão do seu doutoramento. Pelo menos uma publicação como autor principal e sem a participação do supervisor de doutoramento;
- Não existe limite de idade ou restrição de nacionalidade desde que a instituição de acolhimento para o projeto seja europeia.

As bolsas têm uma duração de cincos anos com um orçamento total de 1,5 milhões de euros.

A submissão da candidatura deverá ser realizada no participant portal da Comissão Europeia, disponível em: http://ec.europa.eu/research/participants/portal/desktop/en/opportunities/h2020/topics/erc-2018-stg.html

Mais informação.


Cooperação Transnacional - Acordo de Cooperação Científica entre Portugal e a Tunísia

Encontra-se aberto o período de candidaturas ao programa bilateral entre Portugal ( através da Fundação para a Ciência e Tecnologia, FCT) e a República da Tunísia (através do Ministère de l'Enseignement Supérieur et de la Recherche Scientifique) com os objetivos de promoção da cooperação científica entre os dois países favorecendo o desenvolvimento de novas equipas e de novas áreas de cooperação.

Será financiado o intercâmbio (despesas de viagem e estadia) de equipas de investigação portuguesas e francesas no âmbito de projetos comuns de investigação.

Este financiamento é bianual estando previsto o valor de 2000 € por ano.

Critérios de avaliação:
- Mérito científico e qualidade da proposta;
- Competência das equipas de investigação da proposta;
- Relevância da participação de jovens investigadores da parte portuguesa;
- Adequação das missões de mobilidade ao programa proposto


Serão considerados ainda os seguintes critérios:
- A não inclusão de jovens investigadores na equipa portuguesa tem caráter eliminatório;
- Será dada prioridade a novos projetos/novas equipas e a equipas que não tiveram financiamento nos últimos concursos.


As candidaturas terão de ser submetidas por ambas as equipas às respectivas agências de financiamento, no caso da equipa portuguesa a candidatura terá de ser submetida à FCT através do seguinte link: https://concursosfct.formstack.com/forms/candidatura_tunisia_2017 até às 17h00 do dia 22 de setembro de 2017. No caso de equipas tunisinas aconselha-se o contacto com prévio gammoudi.rz.dhouha@gmail.com

Saiba mais aqui.


Candidaturas abertas FCT/CAPES: Apoio à mobilidade transnacional

A Fundação para a Ciência e Tecnologia e a Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) financiam a mobilidade de investigadores no âmbito de projetos de investigação em conjunto entre Portugal e o Brasil.

Serão financiados no máximo 10 projetos nas seguintes áreas científicas:
- Arquitetura e Urbanismo;
- Ciências da Informação e da Comunicação;
- Ciências do Ambiente;
- Ciências do Espaço;
- Direito;
- Farmacologia;
- Planeamento Urbano e Regional;
- Transportes.

Será financiado o intercâmbio (despesas de viagem e estadia) de equipas de investigação portuguesas e brasileiras no âmbito de projetos comuns de investigação, com um valor máximo  de 4500€ para o biénio de 2018/2019.

Critérios de avaliação:
- Mérito científico e qualidade da proposta;
- Competência das equipas de investigação da proposta;
- Relevância da participação de jovens investigadores da parte portuguesa;
- Adequação das missões de mobilidade ao programa proposto.

Serão considerados ainda os seguintes critérios:
- A não inclusão de jovens investigadores na equipa portuguesa tem caráter eliminatório;
- Será dada prioridade a novos projetos/novas equipas e a equipas que não tiveram financiamento nos últimos concursos.

As candidaturas terão de ser submetidas por ambas as equipas às respectivas agências de financiamento: No caso da equipa portuguesa, a candidatura terá de ser submetida à FCT através do seguinte link: https://concursosfct.formstack.com/forms/candidatura_capes_2017 No caso de equipas brasileiras, a candidatura terá de ser submetida através da página da CAPES http://www.capes.gov.br/cooperacao-internacional/portugal/fct As candidaturas terão de ser submetidas até 22 de setembro de 2017.