Publicações

Call for papers

Call for Papers - Dossiê «Futuros do Trabalho: Políticas, cenários e vivências subjetivas»

Encontra-se em aberto a chamada para trabalhos da Revista Configurações no âmbito do dossiê temático Futuros do Trabalho: Políticas, cenários e vivências subjetivas a ser coordenado pelos Doutores Ana Paula Marques (CICS-UMinho/ CICS.NOVA), Miguel Chaves (CICS.NOVA/ FCSH.UNL), Helena Serra (CICS.NOVA/ FCSH.UNL) e Paula Urze (FCT-UNL, CIUHCT) e publicado no segundo número de 2019.

Submissões: até 31 de Dezembro de 2018.

Com a intensificação da crise económico-financeira, que afeta o capitalismo contemporâneo e a confiança no futuro, o trabalho, as organizações e as profissões têm conhecido profundas transformações nas suas práticas, conteúdos e sentidos. Importa, por isso, assinalar os seguintes processos de ressimbolização do espaço social do trabalho: i) exaltação de uma cultura de “risco” e incerteza no quadro da Revolução 4.0; ii) exigências de compromisso e lealdade dos atores sociais em contextos de vulnerabilidade de vinculação laboral; iii) apropriação do controlo gestionário e administrativo pelos grupos profissionais pressionados pelas lógicas de produtividade e de custo/benefício; iv) fragmentação crescente de coletivos de trabalho, tempos de trabalho e estatutos (e.g. “integrados”, “precários”, “bolseiros”, “formandos”), criando comunidades fracionadas e instáveis de interesses; v) maior exposição a situações de subemprego e experiências de desemprego, e fluxos significativos de mobilidade (trans)nacional por grupos sociais alargados, vi) dificuldades de subsistência, assim como de auto e heteroreferenciação identitária perante experiências de desemprego e exclusão social de um número crescente de grupos sociais, com especial destaque para jovens, mulheres, indivíduos desqualificados ou com baixas qualificações e trabalhadores mais idosos; vii) défices de statusperante esses mesmos cenários; vii) refluxo da regulação estatal na economia em geral e no trabalho (e emprego) em particular com efeitos na desproteção dos trabalhadores, em especial os mencionados no ponto anterior, e na dessindicalização de amplas faixas da população ativa.

Em suma, os processos globais de mudança social têm vindo a implicar transformações significativas nas organizações, no trabalho, nos grupos profissionais e nos cidadãos em geral. Os contornos destas dinâmicas permanecem, no entanto, em larga medida, por conhecer, compelindo os cientistas sociais a anteciparem futuros possíveis no quadro da crescente incerteza que caracteriza as sociedades atuais. Este dossier temático visa acolher trabalhos originais nos seguintes tópicos:

- Digitalização e autonomização da economia e trabalho;
- Tecnologia, comunicação e riscos;
- Ecologização das empresas e gestão verde;
- Privatização, liberalização e reconfiguração dos serviços públicos;
- Mercados (trans)nacionais de emprego;
- Migrações, direitos de trabalho e cidadania;
- Subemprego, precariedade e desemprego;
- Dilemas da educação e formação em contexto de trabalho;
- Profissão, Profissionalização e Profissionalismo;
- Formas de produção de subjetividades no trabalho;
- Diálogo social e desafios de concertação coletiva;
- Desenvolvimento, políticas e redes interorganizacionais.

Os artigos poderão ser provenientes de qualquer domínio das ciências sociais, devendo reportar-se a investigações empíricas e apoiar-se numa reflexão teórica robusta. Os artigos devem ser enviados para cics@ics.uminho.pt e estar em conformidade com as normas adotadas pela revista.

Datas importantes:

Deadline para a submissão do artigo: 31 Dezembro de 2018
Envio da decisão para os autores: 31 Maio de 2019
Publicação da revista: 31 Dezembro de 2019

Informações adicionais encontram-se disponíveis em: http://configuracoes.revues.org/.